Sonho de uma noite de primavera...

Casamos! :D 

Foto: Letícia Faria

 

Finalmente o "grande dia" chegou. Foram dois anos preparando todos os detalhes de um dos dias mais importante de nossas vidas: 14 de novembro de 2015. Olha, casamento definitivamente é caro, mas vale cada centavo investido! Estar de branco, ver Bruno emocionado, ter familiares e amigos como testemunhas desse momento... É mágico. 

 

Nunca vou me esquecer da quantidade de sentimentos e de pensamentos que passaram pela minha cabeça na porta da igreja quando eu esperava a "Ave Maria" começar para eu entrar.  

 

Resolvi nesse post fotos do casório e algumas coisas que fiz para complementar a decoração. Como ainda não tenho fotos oficiais, peguei imagens dos celulares de amigas que estiveram na festa. :)

 

Vamos lá...

 

Igreja

 

Placa

Coloquei uma placa logo da entrada. Vi essa mesma frase nas fotos do casamento da Jiang Pu (aquela finalista do programa "MasterChef", da Band, sabe?). Como sempre tem aquela coisa de "convidado do noivo"/"convidada da noiva"/"padrinho do noivo"/"padrinho da noiva", resolvemos eliminar isso.

 

Em uma placa de madeira, esbocei com lápis preto e depois pintei com tinta de madeira branca: "Hoje, duas famílias tornam-se uma. Escolha um lugar, não um lado".

 

Ok, ela até ficou meio mal posicionada na igreja... Mas estava lá! Rs!

 

 

Foto: Paula Maria Prado e Ronaldo Souza (na imagem, a moça da igreja e minha cerimonialista)

 

Lenços

Para evitar ainda que as pessoas ficassem na frente do meu fotógrafo, fiz um pedido gentil em um lencinho entregue aos convidados.

 

Comprei pacotes de lencinho de papel e fita amarela (adoro amarelo!). Ana Baccaro, designer responsável por toda a minha papelaria, fez a tag, então mandei imprimir e eu mesma furei com um furador de papel. Com muita paciência e a ajuda da sogra, amarrei um a um com um lacinho. 

 

De um lado da tag podia-se ler: "Esse é o momento mais importante da nossa vida e você foi convidado a fazer parte dele. Por favor, desconecte-se: desligue os celulares e as câmeras fotográficas". 

 

Do outro: "Para caso um cisco caia em seus olhos...", justificando o lencinho de papel. :) 

Foto: Michelle Flohr

 

A ideia nem era proibir o uso de fato, mas limitá-lo. Afinal, foto e filmagem não são baratos e são trabalhos que devem sair perfeitos, né?

 

--

 

Confraternização

 

Topo de bolo

Eu já estava há anos namorando a ideia de fazer um topo de bolo em feltro. Comprei apostila da Noialand, meus noivinhos favoritos, e... Deixei guardada! Hahahaha! Até que eu e meu noivo chegamos a um impasse: eu gostei de um topo que ele não gostou e ele gostou de um que eu não gostei... Até que ele falou: faz um! 

 

Ok, resgatei minhas apostilas e decidi casar ideias até chegar em noivinhos fofos. Bom, admito: não ficou perfeito nem incrível como eu queria. Mas foi feito com o maior amor e carinho que eu podia colocar em uma peça produzida por mim!

 

Para a noiva, uni a apostila da Bella (amo esse cabelinho) com a da noiva original. Para o noivo, usei parte da apostila do noivo original misturado com a de um dos personagens dos três reis magos.  Ok, eu fiquei com cara de princesa heroína e Bruno, o mágico. Hahahahahaha! Mas eu gostei do resultado. 

 

Fiz em uma escala reduzidíssima e a dois dias da festa. E, sim, são articulados. Coloquei esqueletinhos nos dois bonequinhos, ou seja, eles mexem as perninhas, a cabeça e os bracinhos. :D

 

Bruno participou: usou seus dotes de "ferramenteiro" e criou para mim a base onde coloquei os noivinhos. Usamos acrílico e pega balão. 

 

Foto: Michelle Flohr (mas o filtro foi por minha conta! Rs!) -- Não dá para ver, mas o noivo está ajoelhado com uma rosa na mão. Hahahahaha! Depois eu vejo se consigo uma foto mais de perto. Era para ele ficar virado para mim, na posição original... Mas na hora lá colocaram os dois bonecos virados para frente...

 

Ah, e Bruno ia casar de chapéu, depois desistiu... Mas mantive a ideia original! Hahahahaha! 

 

Caixa do banheiro

Ok, eu esqueci de tirar fotos das caixas do banheiro! Rs... (quem nunca!). Sorte que pegamos as duas para presentearmos as nossas mães. Então pude tirar a foto agora da caixa que ficou com minha mãe. 

 

Originalmente, comprei duas caixas de madeira cheias de divisórias e, com cola branca, as encapei com tecido tricoline nas cores verde e bege. Para dar um acabamento, passei uma fita dourada (nosso casamento tinha as cores verde, branco e dourado). Confesso que foi a primeira vez que fiz isso, então reconheço que poderia ter ficado ainda mais bonito... Rs! 

Para a caixa do banheiro feminino, dentro coloquei: absorvente, enxaguante bucal, copinhos plásticos, band-aid, esmalte incolor, fio dental, lixas de unha, hidratante para as mãos e alguns remedinhos, do tipo Engov, Sonrisal e Dorflex. 

 

Na dos meninos, tinha band-aid, enxaguante bucal, copinhos plásticos, fio dental, e uns remedinhos: Engov, Sonrisal, Dorflex e Epocler.  

 

Quadro para a mesa de café

Fiz um quadrinho com feltro e bastidor para ser colocado na mesa do café, na saída da festa. Achei que ficou uma graça! Rs! Coincidentemente, Bruno saiu dirigindo nosso carro da igreja para a festa. :)

 Em breve, molde e PAP especial sobre este trabalho. <3 

 

Buquê de Santo Antônio

Para fechar, fiz o meu buquê de Santo Antônio. Na verdade, tenho uma história curiosa. Há pouco mais de três anos, durante um passeio a Guaratinguetá, fui até a Catedral de Santo Antônio e coloquei R$ 2. E falei: "Santo Antônio, se você me apresentar um rapaz bacana, te 'dou' R$10".  Em três meses conheci Bruno. 

 

Então, falei: "Santo Antônio, se ele me pedir em namoro, te 'dou' R$ 50. Bruno me pediu em namoro duas semanas depois de nos conhecermos. Hahahahahaha! Então, propus um novo acordo: "a cada ano que permanecer com ele, coloco R$ 10".  Por fim, dei um ultimato: "Santo, se ele me pedir em casamento, te 'dou' R$ 100". Hahaha!

 

Enfim, fiz uma doação de uma quantia um pouco maior para o asilo Santo Antônio de São José dos Campos. :D Diante de tudo isso, o santo não podia ficar de fora do meu casório, né? Hahaha!  

 

Foto: Nathalia Nunes (eu não tinha foto, daí uma das meninas que pegou o buquê me mandou essa) :)

 

Usei a apostila da Fernanda Lacerda. Achei tranquilo fazer, mas tem vários detalhes que tem de ficar de olho. Acho que eu devia ter reduzido o tamanho do pé... Sei lá. De qualquer forma, fiz cinco. Achei que era o suficiente. As meninas adoraram! 

 

---

 

É isso... 

:)

 

Foto: Letícia Faria

 

Espero que tenham gostado desse post. Não esqueçam de comentar no Facebook. 

 

Super beijo!

Até mais!

;)

 

 

 

Please reload

Quem faz o Sr.Feltrim
Paula Maria Prado
Jornalista por profissão, escritora por paixão e arteira nas horas vagas...
Posts Destacados

Broche 'Buquê de flores' #Molde

January 30, 2015

1/1
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Procure por Tags
Please reload